Associação Cultural Kagoshima do Brasil (Kagoshima Kenjinkai do Brasil) (08/10/2021)

Sérgio Masaki Fumioka, Akemi Uchimura e Wilson Shiguetoshi Kodama, respectivamente, presidente, vice-presidente e conselheiro da da Associação Cultural Kagoshima do Brasil visitaram a Câmara na manhã desta sexta-feira (8). Foram recebidos pelo secretário-geral Fujiyoshi Hirata e Letícia Kajihara do staff.

“Amami – Patrimônio Natural Mundial (Reconhecido pela Unesco) & Chá de Kagoshima, 1º lugar em produção no Japão” Em homenagem aos títulos a essas conquistas o Kagoshima Kenjinkai do Brasil promove a divulgação da culinária de Amami “Keihan” junto com o seu “Kashamochi” e, como brinde o autêntico sache de chá de Kirishima/Kagoshima.

A UNESCO, agência das Nações Unidas, reconhecerá Amami Oshima (Kagoshima) e outras ilhas no sudoeste do Japão como Patrimônio Mundial por sua variedade de espécies animais e vegetais únicas, decidiu a agência na noite de segunda-feira (26 de julho de 2021).

Em comemoração às conquistas históricas, o Kenjinkai realizará no próxmo dia 31 de outubro (domingo), diversas atividades, como o chá produzido na prefeitura e a culinária local de Amami, com o objetivo de promover o avanço das pequenas e médias empresas da província em um futuro próximo.

O secretário-geral Hirata diz ter a honra de ser da Ilha Yoron (cerca de 20 km de Kunigami, Okinawa), que está localizada no extremo sul da província. Deseja por um maior desenvolvimento do Kagoshima Kenjinkai no Brasil e solicitou a todos o sincero apoio para uma cooperação unida.

Mais informações sobre o evento e como participar, acesse aqui .

Letícia Kajihara, Akemi Uchimura, Fujiyoshi Hirata, Sérgio Masaki Fumioka e Wilson Shiguetoshi Kodama